As mudanças vividas nos últimos anos obrigaram as instituições de ensino superior (IES) a se reinventarem a fim de oferecer uma educação acadêmica de qualidade. Esta mudança não ocorreu de maneira uniforme, pois nem todas as instituições estavam prontas para abraçar o uso da tecnologia. Portanto, em vez de se destacarem, eles só sobreviveram.

Como resultado do aprendizado de vários cenários voláteis (como a pandemia da COVID-19), as universidades começaram a dar maior importância à transformação digital, e começaram a vê-la como um desafio para a melhoria constante.

Como a transformação digital ajuda

A transformação digital é de grande ajuda, pois pode gerar um maior fluxo de conexão entre estudantes e professores e/ou instituições, utilizando plataformas de e-learning, MOOCS, entre outras.

Também permite o uso de dados através da Learning Analytics, para que seja possível saber quanto tempo os alunos estão conectados, quanta comunicação eles têm com os professores e em que conteúdo estão interessados.

Outro ponto importante é a agilidade; a digitalização torna possível agilizar extensos fluxos de trabalho burocráticos, dando aos estudantes ou funcionários uma resposta rápida e produtiva.

Também se tornou um aliado nos processos de admissão, avaliação de professores e gestão institucional com sistemas de medição automatizados. HPI International – Education Tools oferece serviços de inovação e medição para a educação.

Em geral, a demanda é parar de oferecer educação tradicional centrada no grupo e começar a cuidar dos estudantes de forma personalizada.

A importância do e-learning

A demanda de estudantes e professores por educação superior em um mundo altamente competitivo os transformou em compradores de educação.

É por isso que as IES começaram a oferecer programas acadêmicos através do e-learning.

Existem organizações focadas em apoiar empresas e instituições de ensino superior com conteúdo de E-learning, como a HPI International, que oferece programas de Inteligência Emocional focados em educação e ajuda no desenvolvimento contínuo de vários professores.

O que é necessário?

A transformação digital não se trata apenas de implementar tecnologia ou promover o uso de ferramentas digitais. A transformação digital exige um desafio constante das instituições de ensino superior, pois envolve uma mudança cultural e uma mudança estrutural a nível organizacional e estudantil.

Porque as instituições podem fazer uso de ferramentas como o Moodle, etc., mas como os estudantes/professores estão preparados para perceber a tecnologia como uma ajuda e não como uma barreira.

Quantos dos alunos e professores têm os recursos para acessar a tecnologia. Quantos desses estudantes/professores foram previamente treinados para o uso dessas plataformas.

Um exemplo disso é o estudo realizado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento , que mostra que ¾ dos líderes educacionais pesquisados destacam a transformação digital como muito importante, mas apenas ¼ considera a maturidade digital de suas instituições como muito alta.

Por um lado é bom que nos adaptemos à mudança e assumamos que a tecnologia é importante, mas por outro lado também é imperativo nos preocuparmos com nossa comunidade que recebe nossos serviços. Adaptamo-nos a eles ou pedimos que se adaptem a nós, e se este último, o que fazemos para ajudá-los a se adaptarem competentemente?